Contabilidade para Infoprodutores: tributação, regularização e apoio especializado

Contabilidade para Infoprodutores - foto contadora fazendo análise contábil

Procurando uma contabilidade para infoprodutores que realmente entenda do seu negócio, forneça auxílio e orientação para regularização da sua empresa e redução no volume de impostos?

Se a sua resposta foi “SIM”, você precisa conhecer a Soluzione Negócios Digitais, um serviço completo em assessoria contábil especializada para empresas do mercado digital.

Continue conosco e confira ao longo do conteúdo, como pagar menos impostos, abrir o seu CNPJ e regularizar as suas atividades no mercado digital.

No entanto, caso prefira, clique em um dos botões abaixo, entre em contato conosco e tire suas dúvidas diretamente com um contador especialista.

Botão de Contato sobre consultoria especializada em negócios digitais        Botão de Contato sobre consultoria especializada em negócios digitais

O que faz um infoprodutor?

Infoprodutor é o profissional que atua na produção de conteúdos que são distribuídos digitalmente como ebooks e vídeos online.

Na maioria dos casos, esses conteúdos são comercializados por meio de plataformas especializadas como Hotmart, Eduzz, Monetizze e Udemy.

Por sinal, nos últimos anos, a demanda por cursos online tem crescido significativamente, fato que tem feito com que muitos infoprodutores alcancem o sucesso e um faturamento mensal significativo.

No entanto, quando o faturamento cresce, é preciso que o empreendedor digital busque a regularização do seu negócio, evitando problemas com o fisco, incluindo multas e sanções.

Contabilidade especializada em negócios digitais - vetor contador especializado planejamento tributário copiar

Contabilidade para Infoprodutores: vale a pena abrir CNPJ para o produtor digital?

Quando o assunto é contabilidade para infoprodutor, uma das principais dúvidas dos profissionais que atuam no mercado digital e buscam o apoio de uma contabilidade especializada, diz respeito aos benefícios de abrir um CNPJ.

Será mesmo que vale a pena abrir CNPJ para o infoprodutor? Podemos afirmar que sim, vale a pena, por uma série de motivos, dentre eles:

  • Infoprodutor que decide abrir CNPJ paga menos impostos;
  • Ao abrir um CNPJ o infoprodutor pode emitir notas fiscais;
  • Quem possui um CNPJ ativo tem acesso a melhores condições de crédito e financiamento;
  • A abertura de uma pessoa jurídica facilita a contratação de funcionários.

Dentre os itens acima, aquele que chama maior atenção é a redução de impostos. 

Enquanto o infoprodutor pessoa física é tributado com base na tabela do Imposto de Renda, cuja alíquota pode chegar a 27,50% sobre o faturamento mensal, quem decide abrir um CNPJ pode pagar bem menos impostos no Simples Nacional ou Lucro Presumido.

Contabilidade para infoprodutores: Como funciona a tributação?

Quem atua como infoprodutor tem a sua disposição três regimes tributários: Simples Nacional, Lucro Presumido e Lucro Real.

Por sua vez, dentre as opções, o Simples Nacional e o Lucro Presumido costumam ser as opções mais econômicas para quem atua no mercado digital e decide abrir um CNPJ.

No entanto, antes de falarmos sobre cada opção, é importante destacar que a tributação do profissional de infoprodução pode variar em função do seu CNAE, ou seja, tipo de atividade.

Dentre as opções, podemos destacar:

CNAE 4761-0/01 – Comércio varejista de livros que inclui além do comércio físico de livros e apostila, o comércio varejista de livros virtuais (e-books).

CNAE 8599-6/04 – Treinamento em desenvolvimento profissional e gerencial que inclui atividades de treinamento profissional, gerencial com acesso à internet e também à distância, o que inclui os cursos online.

Simples Nacional para coprodutores

  • CNAE 4761-0/01 (ebooks): Tributação no Anexo I do Simples Nacional com alíquota a partir de 2,75% ao mês, considerando a isenção de ICMS aplicável a ebooks.
  • CNAE 8599-6/04 (cursos e treinamentos online): Tributação no Anexo III do Simples Nacional, com alíquota efetiva de contribuição entre 6% e 19,50% para empresas com FATOR R igual ou superior a 28%.

Tributação no Anexo V do Simples Nacional com alíquota efetiva entre 15,50% e 19,25% para empresas com fator R inferior a 28%.

Para descobrir o FATOR R da sua empresa no Simples Nacional, utilize a seguinte fórmula:

 (Folha de pagamento / Receita Bruta) * 100

Exemplo A
(6.000,00 / 50.000,00) * 100 = 12%
menor do que 28% Tributa no anexo V

Exemplo B
(15.000,00 / 50.000,00) * 100 = 30%
maior do que 28% Tributa no anexo III

Lucro Presumido para coprodutores

  • CNAE 4761-0/01 (ebooks): Alíquota de contribuição a partir de 2,88% considerando isenções de ICMS, PIS e COFINS sobre a venda de ebooks no Lucro Presumido.
  • CNAE 8599-6/04 (cursos e treinamentos online): Alíquota de contribuição entre 13,33% e 16,33% sobre o faturamento mensal, a depender do município de instalação da empresa.

Independente do regime escolhido, perceba que ao abrir um CNPJ e contar com o apoio da contabilidade para infoprodutores é possível economizar no pagamento de impostos.

Infoprodutor pode ser MEI?

Uma das principais dúvidas entre profissionais que procuram uma contabilidade para infoprodutores diz respeito ao MEI.

Será que o infoprodutor pode ser MEI? De acordo com a legislação em vigor, sim, considerando que as atividades desenvolvidas pelos infoprodutores estão previstas no rol de atividades permitidas ao Microempreendedor Individual.

No entanto, é importante ficar atento às restrições do MEI, dentre elas:

  • Faturamento anual limitado em R$ 81 mil;
  • Permissão para contratar apenas 1 funcionário;
  • Limitação do salário dos funcionários ao piso da categoria ou salário mínimo.

Vale destacar que ao ultrapassar o limite do faturamento do MEI em mais de 20% durante determinado ano, o Microempreendedor precisará pagar impostos retroativos.

Portanto, quando se fala em ser um infoprodutor e lançamentos de produtor digitais, é possível que se fature muito mais do que o limite do Microempreendedor Individual. Logo, acaba não sendo interessante abrir um MEI para produtor digital.

Sendo assim, fique atento, e antes de qualquer escolha, consulte os nossos especialistas em contabilidade para infoprodutor.

Abertura de CNPJ para negócios digitais - vetor empreendedor de sucesso ideia de abertura de empresa

Contabilidade para infoprodutor: Como abrir CNPJ?

Agora que você já sabe que pode pagar menos impostos e ter acesso a outros benefícios ao abrir um CNPJ, é hora de conferir o que é preciso para agilizar a regularização e abertura da sua empresa.

Em um primeiro momento, você que pretende abrir uma pessoa jurídica e regularizar as suas atividades, precisará separar alguns documentos, são eles:

  • RG e CPF;
  • Comprovante de Residência;
  • Comprovante de endereço e Inscrição Imobiliária do local para instalação da empresa;
  • Contrato Social ou Requerimento de Empresário.

Caso você possua dúvidas em relação aos documentos acima, não se preocupe, nosso time de contadores fornecerá todas as orientações que você precisa.

Com a documentação acima, nosso time de contadores especializados em negócios digitais providenciará a abertura e regularização da sua empresa, incluindo:

  • Emissão do CNPJ;
  • Emissão do Alvará de Localização e Funcionamento;
  • Liberação da autorização para emissão de notas fiscais.

Deseja saber mais sobre a contabilidade para infoprodutores e abrir a sua empresa? 

Clique em um dos botões abaixo e entre em contato com a nossa assessoria contábil!

Botão de Contato sobre consultoria especializada em negócios digitais        Botão de Contato sobre consultoria especializada em negócios digitais